“Sombras da escuridão”, de Tim Burton

Este “Dark shadows”, a longa metragem de Tim Burton que antecede “Frankenweenie” (que estreia em Portugal a 25 de outubro), é uma tragicomédia gótica e fantástica com sabor a sangue. Barnabas Collins (Johnny Depp), o jovem herdeiro de uma abastada família irlandesa que vive no Maine, é amaldiçoado e condenado à sombria condição de vampiro pela terrivelmente bela Angelique Bouchard (Eva Green), uma bruxa amargurada pela dor de não ver o seu amor correspondido. Enterrado durante duzentos anos, Barnabas é acidentalmente despertado (e acorda cheio de sede) em 1972, reencontrando-se com a sua mansão num estado visivelmente degradado e com uma família disfuncional, mas disposto a reerguer o nome dos Collins e a vingar-se da obsessiva Bouchard. Com o advento de Barnabas, Burton recupera alguns temas especialmente caraterísticos da sua cinematografia: o vampiro que ascende das trevas é um romântico fora do tempo que se cruza com uma outra figura espetral, a angelical Victoria (o doppelgänger da sua amada Josette), ambas personagens bizarras e incompreendidas, ostracizadas pela sua diferença. Em “Dark shadows”, adaptação da homónima série televisiva de culto dos anos 60, de que Burton e Depp (que coproduziu o filme) são absolutos fãs, o realizador põe em cena dois mundos, um integrado no outro, como lhe é próprio e tão do seu agrado: o mundo dos mortos, das sombras, dos fantasmas, das bruxas, dos lobisomens e dos vampiros (como os de “A noiva cadáver” ou “O estranho mundo de Jack”), incontestavelmente mais atraente, dilui-se com o mundo dos vivos, entediante e sem rumo. Mas se o género apaixonado e melancólico de Barnabas poderiam recordar um “Eduardo Mãos de Tesoura”, Burton conjuga na personagem de Collins um vampiro carnal, macabro e sanguinário, e faz de “Sombras da escuridão” um filme com uma série de referências à década de 70, com momentos de pura diversão. De Alice Cooper a Barry White, ou à McDonald’s confundida com Mefistófeles, e muitos hippies que acabam sugados, este é ainda o estranho mundo de Tim Burton, com um outro toque de fantástico e de cómico.

10 maio [estreia nacional]
filme “Sombras da escuridão” [“Dark shadows”], de Tim Burton, com Johnny Depp, Eva Green, Michelle Pfeiffer, Helena Bonham Carter,…
Columbia Tristar Warner, 2011 / 2012

 

site de Tim Burton

facebook de Tim Burton

site de “Sombras da escuridão”

facebook de “Sombras da escuridão”

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s