“Para Roma, com amor”, de Woody Allen

Woody Allen prossegue a sua jornada cinematográfica pela Europa, após uma paragem pela capital francesa em “Meia noite em Paris”, filmando quatro histórias na Cidade Eterna. “Para Roma, com amor” marca o regresso do cineasta de “Annie Hall” à produção e à interpretação, nesse registo tão inequivocamente brilhante da comédia do absurdo e das insólitas situações do quotidiano que marcam a sua obra artística. Sob o pano de fundo do Coliseu, da Fontana di Trevi, do Trastevere ou de Villa Borghese desenrolam-se hilariantes episódios, enovelados em catadupa, de que Woody Allen faz também objeto de paródia para explorar alguns dos paradoxos e das ironias da sociedade contemporânea. Com a subtil acutilância que lhe é característica, expõe, pela sátira e pelo nonsense, os artifícios de um mundo guiado pelo mito das celebridades, que justifica a fama com a fama. Entre um cidadão comum perseguido pelos media, um casal recém-chegado da província italiana, um “tenor de chuveiro” e uma voluptuosa atriz que cita Strindberg, o leque das desconcertantes personagens de Allen firma-se num elenco igualmente notável, que conta com espantosas representações de Roberto Benigni, Penélope Cruz ou Ellen Page.

20 setembro [estreia nacional]
“Para Roma, com amor” [“To Rome with love”], de Woody Allen, com Woody Allen, Roberto Benigni, Alec Baldwin, Penélope Cruz, Ellen Page,…
Zon, 2011 / 2012

 

texto no Sound + Vision

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s