Ciclo Glauber Rocha na Cinemateca Portuguesa, Lisboa

A Cinemateca Portuguesa reabre ao público em setembro com uma crucial retrospetiva inteiramente dedicada aos filmes do cineasta Glauber Rocha. Entre os dias 7 e 28 deste mês, podem ser vistas nas salas da Barata Salgueiro as longas e curtas metragens desta figura seminal do cinema novo brasileiro, como as fundadoras obras “Deus e o diabo na terra do sol”, de 1964 (nos dias 11 e 12), “Terra em transe”, de 1967 (nos dias 7 e 10), “O dragão da maldade contra o santo guerreiro” (ou “Antônio das Mortes”, título pelo qual é igualmente conhecido), de 1969 (nos dias 14 e 25), “O leão de sete cabeças”, de 1970 (nos dias 17 e 19), e “A idade da Terra”, de 1980 (nos dias 26 e 27). Radicalmente moderno e original, Glauber Rocha inscreveu na sua prática cinematográfica um realismo pioneiro, cunhado por fortes convicções políticas, que lhe valeu o reconhecimento de outros enormes criadores, como François Truffaut, Jean-Luc Godard ou Luchino Visconti.

7 > 28 setembro
ciclo Glauber Rocha
Cinemateca Portuguesa, Lisboa

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s